Como remover o Unity do Ubuntu sem stress

Estava instalando um Ubuntu 13.10 em uma VM e como não queria o Unity como interface gráfica, resolvi procurar uma forma de remover e instalar a interface que eu mais gosto, isto é, a Window Maker!

Windowmaker
Windowmaker virtual no Hyper-V

Agora, remover o Unity pode ser uma tarefa complicada, uma vez que a Canonical coloca praticamente tudo do seu sistema operacional nesta interface, o que por um lado dá uma “unidade” (sacaram o trocadilho), dando mais estabilidade. Mas por outro lado trás problemas para usuários mais antigos que preferem outras interfaces.

Visando essa questão, eu procurei algo pela internet que pudesse me ajudar a remover completamente o Unity. Eis que encontro o post do Dionatan Simioni com o título Como remover o Unity completamente do Ubuntu 12.04 sem quebrar o sistema.

Ok, chega de explicação e me dê esse comando maravilhoso, diria o pessoal que não curtiu o Unity. E aqui vai:

sudo apt-get remove unity unity-2d unity-2d-common unity-2d-panel unity-2d-shell unity-2d-spread unity-asset-pool unity-common unity-lens-applications unity-lens-files unity-lens-music unity-lens-video unity-scope-musicstores unity-scope-video-remote unity-services indicator-messages indicator-status-provider-mc5 appmenu-qt appmenu-gtk appmenu-gtk3 lightdm unity-greeter overlay-scrollbar zeitgeist zeitgeist-core zeitgeist-datahub activity-log-manager-common activity-log-manager-control-center

Depois que fizer isso, não terá mais interface gráfica instalada, para remover as dependências rode ainda:

sudo apt-get autoremove
sudo apt-get purge `deborphan`
sudo dpkg --purge `dpkg -l | egrep "^rc" | cut -d' ' -f3`

E agora, instale sua inteface preferida! 🙂

Se quiser instalar a maravilhosa e leve Windowmaker: sudo apt-get install wmaker 😉

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *