Windows Live Essentials 2011: Writer

Existindo desde as primeiras versões do Live Essentials, o Writer nunca foi um sistema que me chamou a atenção. Um editor da microsoft, para blog… Qual blog? Deve ser o tal do Spaces… Nem vou atras… Isso que me passava na cabeça quando lia a descrição deste. Mas depois de atualizar meu “MSN”, nome erroneamente apelidado do Messenger para a versão 2011, entrei em meu profile do Live, e vi meu spaces a tanto tempo esquecido. Nostalgia a parte, a noticia que me chama a atenção: A Microsoft vai descontinuar o Spaces e pede pra galera migrar para o WordPress! A noticia me chama mais a atenção por que a engine do WordPress (tanto a wordpress.com, quanto a para download no wordpress.org) é em PHP + MySQL, e todos sabemos onde essa combinação é mais encontrada e mais divulgada no mundo, não? (Linux)

Bom, depois de ler a descontinuação do Spaces, eu novamente vi uma chamada do Writer e na hora eu pensei: Tá.. Eles continuam com esta ferramenta, mesmo sabendo que isso vai descontinuar? Que estranho… E foi esse “estranho” que me levou a pesquisar um pouco sobre esta ferramenta e agora, estar efetivamente postando meu primeiro post usando ela! Bom, vamos por partes…

Descobri lendo, que o Writer é um editor de blog, para vários modelos de blogs, e por isso chama a atenção pela facilidade de, em ambientes microsoft, trabalhar e postar em vários blogs, e simultaneamente! Alegre Então, agora configurado em meu Windows 7, estou vendo como a ferramenta pode ser útil: Estou postando offline, sem me preocupar com cache de página ou algo assim, estou com uma interface “seven friendly”, opções bem mais simples para o trabalho de editar textos!

barra-seven-friendly

Reparem nas opções… Para quem conhece qualquer versão de Microsoft Office a partir da 2007, não se perde com estas opções.

Certo, mas como o Writer consegue conversar com um monte de editores de blog? Fácil, as engines de blogs, como um todo, trabalham com um protocolo de postagem remota chamado RPL-XML. Com ele,  qualquer aplicativo que converse neste padrão, posta no blog (dado que foi previamente ativado, pois o protocolo em diversos blogs são bloqueados por motivos de segurança).

Então, para encerrar minha visão inicial do aplicativo, quero salientar que realmente o aplicativo cumpre o quesito facilidade de uso e acredito que é a solução para aqueles que querem ter um blog, mas não gostam das estranhas interfaces de criação de post via web. Para criação de posts offline e  com agendamento de data de postagem…

Deixo 2 questões para quem ler: Alguem conhece outras soluções do genero? E ambientes Linux também tem algo parecido? Smiley piscando

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *