A vulnerabilidade no WPS que torna o WPA/WPA2 vulnerável a ataques

Recebi este link por email da lista de segurança da informação da Unisinos.

Tradicionalmente, ganhar acesso não autorizado a uma rede com o WPA, especialmente no caso do WPA2 é difícil e demorado, já que é necessário descobrir a chave usando um ataque de força bruta. Chaves curtas podem ser descobertas em alguns dias usando um processador rápido, ou uma boa GPU, mas chaves longas e complexas, especialmente as com 12 dígitos ou mais são quase impossíveis de serem descobertas. Tudo mudou com o descobrimento de uma falha grosseira de segurança no protocolo WPS, que é suportado pela maioria dos roteadores atuais.O WPS oferece uma forma simples de configuração para redes Wireless. O roteador inclui um PIN de 8 dígitos, geralmente informado em uma etiqueta na parte inferior, permitindo a conexão de qualquer cliente onde este PIN seja informado. Outros vão além oferecendo também um botão de conexão, que deve ser pressionado no roteador para autorizar a conexão de um novo cliente. A ideia do WPS é que este é um padrão de segurança aceitável para uma rede doméstica, já que se alguém tem acesso físico ao roteador, para ver o PIN ou pressionar o botão, ele provavelmente está autorizado a acessar a rede de qualquer forma.

via A vulnerabilidade no WPS que torna o WPA/WPA2 vulnerável a ataques.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>